TEXTOS ©

A Pulsação do Psiquismo. Aproximações da Dança à Psicanálise.

Movement never lies (“o movimento nunca mente”) – esta ideia recebeu-a Martha Graham de seu pai, o Dr. Georges G. Graham, psiquiatra em Pittsburgh. Pela leitura de Blood Memory é possível entrever o modo como a estrutura familiar marcou a poética da fundadora da modern dance. Entre os vários episódios registados está aquele em que o Dr. Georges Graham convida a filha a olhar uma gota de água através do microscópio e a descobrir, horrorizada, que a água contém vermes…

icon_pdf.gifPulsacao-psiquismo

Crítica de Dança: uma Crítica em Processo

Em Setembro de 2005 participei numa Conferência no Rio de Janeiro sobre dança e filosofia. O Encontro adoptara a epígrafe “o que pode a dança?” que remetia, por sua vez, para a questão colocada por Espinosa no século XVII (o que pode um corpo?). Uma das participantes, a filósofa brasileira Márcia Tiburi, defendeu então a contaminação do pensamento filosófico pelo método coreográfico, em substituição da retórica da tradição europeia. (…)

icon_pdf.gif CriticadeDança

DA AUTENTICIDADE DO CORPO NA DANÇA

Existem pelo menos dois ângulos possíveis para considerar o tema “o corpo e as
artes”: um que tem a ver com a permanência do corpo como objecto de representação
artística; outro que coloca o corpo no centro do fenómeno artístico. Sob o primeiro
ângulo, é comum considerar-se que as representações do corpo o envolvem
inevitavelmente num complexo de signos, frequentemente investidos de significações
excedentes que remetem para redes simbólicas. Sob o segundo ângulo, afirma-se o
pressuposto da omnipresença do corpo na criação e na fruição dos objectos de arte.

icon_pdf.gif corpo_danca

Connecting / Documenting dance (&) criticism

Three years ago I attended almost daily the National Library to collect elements for a research on the history of dance in Portugal at the beginning of the 20th century. I accessed then to several essays and opinion texts published in Portuguese newspapers and some odd theatrical documentation. That operation allowed me to obtain a huge amount of the names of dancers, choreographers and Companies, who performed in Portuguese stages at the beginning of the century.

icon_pdf.gif arquivo_crítica

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: